sábado, 16 de janeiro de 2010

Pão de batata e parmesão



Esse pão é uma delícia e rende super bem, dois pães grandes.
É trabalhoso e demorado para ficar pronto, como todo pão.
Essa foi a terceira vez que fiz essa receita e nem acreditei quando pesquisei no blog e vi que não tinha postado ainda.
É uma receita do blog da Patrícia Scarpin, que tem uma receita mais maravilhosa que a outra!
Fiz poucas alterações.

Pão de batata e parmesão

- 224g de batatas próprias para assar (usei as comuns);
- 2 colheres (sopa) – 28g – de manteiga sem sal, em temperatura ambiente;
- 1 xícara (240ml) de leite, em temperatura ambiente (usei semidesnatado, aquecido levemente);
- 1 colher (sopa) de fermento biológico seco;
- 1 colher (sopa) de açúcar;
- 2 colheres (chá) de sal;
- 1/2 xícara (120ml) de água;
- 4-5 xícaras (560-700g) de farinha de trigo comum – usei 5 xícaras;
- 1 xícara (100g) de parmesão ralado na hora (usei um pacote de 50g);
- 1 ovo + 2 colheres (sopa) de água (para pincelar) (ao invés da água, usei uma colher de mel).

Modo de preparo:
Descasque as batatas e corte-as em pedaços iguais. Coloque-as numa panela pequena, cubra com água fria e leve ao fogo até ferver. Cozinhe até ficarem bem macias; escorra e amasse bem enquanto ainda estiverem quentes. Transfira o purê para a tigela da batedeira (se for usar) ou uma tigela grande (se for sovar na mão). Junte o leite e a manteiga e misture bem.
Adicione o fermento biológico e o açúcar à mistura de batata, mexendo bem. Deixe formar uma espuma (5-10 minutos). Acrescente o sal, a água e 3 xícaras (420g) de farinha. Misture até ficar homogêneo (com uma colher de pau ou na batedeira tipo Kitchen Aid, com o batedor de gancho). Junte o parmesão, misture, e comece a adicionar a farinha restante, em porções de ¼ xícara (35g), até formar uma massa que se desgruda das laterais da tigela. Continue batendo por mais 5 minutos (ou sove por 7) até obter uma massa elástica e macia.

Transfira a massa para uma tigela grande (pois cresce bastante), untada levemente com óleo, cubra com filme PVC ou plástico e deixe crescer por 45-60 minutos, ou até dobrar de volume.
Vire a massa sobre uma superfície polvilhada com farinha e deixe sair um pouco do ar que está dentro dela. Divida em duas partes iguais e molde dois filões ovais e longos. Coloque-os numa assadeira grande, bem polvilhada com fubá, ou então forrada com papel manteiga, untado com manteiga ou óleo (os pães grudarão se o papel não for untado); você pode fazer pequenos cortes na superfície dos pães com uma faca bem afiada, se quiser.
Cubra com um pano limpo e deixe crescer novamente, desta vez por 45 minutos.

Enquanto isso, pré-aqueça o forno a 190ºC.
Bata ligeiramente o ovo, adicione a água e use a mistura para pincelar os pães.
Asse por 30-40 minutos, até que o pão doure bem e o fundo faça um som oco se você der batidinhas dele. Caso prefira, meça a temperatura interna do pão com um termômetro próprio para isso – se assado, deverá ficar entre 90 e 93ºC.
Transfira os pães para uma gradinha; só fatie depois de completamente frios.

0 comentários:

Na NOVA cozinha da Chris   © 2008. Template Recipes by Emporium Digital

TOP