quarta-feira, 26 de maio de 2010

Em Festa Junina não pode faltar... canjica!

Está chegando a época mais deliciosa do ano: a das festas juninas!
Quem me conhece sabe o quanto adoro essa época, e não é por menos! Faço aniversário em Junho e passei a minha vida inteira comemorando essa data em festas animadíssimas das escolas, igrejas e na ASBAC.
Meu pai arrasava nas brincadeiras das festinhas: dava o maior prejuízo na ASBAC, porque era o "Rei" da bola na lata. Não ganhava todas, mas tinha uma excelente mira! As pessoas chegavam a pedir para que ele jogasse por elas e a gente sempre voltava pra casa depois do Bingo (que era o grande momento da noite), com o porta-malas cheio de brinquedos!
Frequentemente um dos dias da festa caía no dia 19 (meu aniversário), e eu tinha prioridade na escolha dos brinquedos que ele ganhasse. Eu achava o máximo! As crianças que ficavam por perto deixavam transbordar o desejo em estar no meu lugar e eu saía saltitante, feliz e satisfeita, orgulhosíssima da sorte que eu tinha! Plena no meu Édipo! rsrsrsrsrs
É claro que meus pais gastavam uma fortuna nos três dias de festa, hoje se recordam dizendo que era uma loucura, mas a gente se divertia muito! A família toda tem lindas recordações!
Hoje as coisas estão bem diferentes, as festas não tem mais aquele significado de antes, mas ainda adoro! Meu marido paraibano é cobrado todo ano de quando vai me levar a Campina Grande, pro "Maior São João do Mundo" (Caruaru que me perdoe)! Ele também adora essas festividades e nosso pedacinho de gente já tá entrando no clima...
Esta semana fomos a uma quermesse e hoje fiz canjica. A foto não ficou maravilhosa, mas dá uma idéia do prato pronto. A receita tá logo abaixo pros cumpadis e pras cumadis! rsrsrs
Ah, e quem gosta de paçoca, não deixem de conferir essa receita aqui... parece ótima!


Canjica de festa junina

Ingredientes:
- 1 pacote de milho para canjica amarela ou branca, a gosto(acho que tem 500g);
- 1 vidro pequeno de leite de coco;
- leite condensado a gosto;
- 1 xícara de açúcar;
- 2 paçoquinhas esfareladas (compradas prontas ou feitas em casa);
- 1 litro de leite;
- 4 paus de canela;
- 1/2 xícara de coco ralado;
- açúcar a gosto.

Modo de preparo:
Lave o milho, retirando impurezas. Deixe o milho de molho por pelo menos 12h, na geladeira.
Coloque numa panela de pressão com bastante água (uns 4 dedos acima dos grãos) e uma xícara de açúcar, para cozinhar.
Quando o milho tiver macio (e com significativamente menos água), acrescente metade do leite, leite condensado e o leite de coco e misture. Deixe cozinhar, aberto, por uns 15 minutos, deixando bastante caldo (pode colocar mais leite se quiser). Corrija o açúcar e coloque os demais ingredientes. Deixe ferver mais um pouco, mexendo sempre para não queimar. Apague o fogo e tampe.
Sirva quente.
Rende um panelão! Pode compartilhar com os irmãos, amigos, pais, sogros, dá pra todo mundo comer!

obs.: Eu refiro servir depois de umas 2h, quando o sabor estará bem definido.
obs2.: Essa é a versão completa, beeeem calórica. Você pode privilegiar alguns ingredientes ou substituir outros, a gosto.


..::ENQUETE::..
Pra mim, algumas coisas são essenciais a um São João: canjica, quentão, cachorro-quente, churrasquinho, bolo de mandioca, pipoca, brincadeiras, um bom forró, muita gente, muitos enfeites e bandeirinhas e uma animada quadrilha.
E para você? O que é importante num São João?? Espero participações!!

2 comentários:

duda lima

o que vocês no sudeste chamam de canjica, nós no nordeste (ao menos na Bahia) chamamos de mungunzá!
=)

Christiane

Isso mesmo!
Aqui em Brasília, como tem muita gente de todas as regiões do país, sempre tem essas diferenças nos nomes, o que nos complica a comunicação!
Pra mim, mungunzá é um prato que leva esse milho (da "minha" canjica) e ingredientes salgados.
A minha sogra, que é da Paraíba, chama curau de canjica, canjica de mungunzá.
Tapioca é outro problema! Tem a de frigideira e a de goma grossa, beiju. Mas tem gente que chama o beiju de tapioca e a tapioca de beiju.
Mas contando como se faz a gente de entende... rsrsrs
Obrigada pela lembrança!
Um abraço,
Chris

Na NOVA cozinha da Chris   © 2008. Template Recipes by Emporium Digital

TOP